Pancadaria em Concurso Miss Gay da Paraiba

A noite era de glamour para eleger a Miss Gay 2011 do município de Bom Jesus (RN), a cerca de 50 km de Natal. Mas o final do concurso terminou em ofensas e pancadaria. Uma das concorrentes não se conformou com o terceiro lugar no evento, invadiu o palco com uma amiga e agrediu uma das juradas do concurso. A confusão foi filmada e postada na internet.

Veja imagens da pancadaria

Nas imagens do evento, ocorrido no último dia 8, o locutor anuncia que a concorrente chamada Jamile Star ficaria com a terceira colocação. Inconformada com o resultado, ela sai do palco com poucos sorrisos. Instantes antes do anúncio da vencedora, ela então volta e toma o microfone, dando início à confusão.
Exaltada, Jamile diz que a terceira colocação se deve a um dos jurados –o ator Adriano,  que interpreta a personagem Pietra Ferrari– não gostar dela. “Ela fez isso comigo porque eu gastei muito para ficar assim, bonita”, diz no vídeo.  Em seguida, uma amiga de Jamile discursa em apoio à terceira colocada. Logo depois, Adriano toma o microfone de Jamile para pedir “gritos” e “palmas” para Jamile e a amiga, que tentam novamente falar ao público, sendo impedidas. Jamile e a amiga então começam a agredir o jurado com murros e tapas, sendo revidadas por uma sequencia de chutes. Ao fim do vídeo, a organizadora do evento, Amanda Kalafange, pede desculpas ao público e tenta dizer quem era a vencedora. “Eu quero pedir perdão. Tá certo que aconteceu esse constrangimento. Vamos ser fina, minha gente... Você mereceu ganhar, você é linda”, afirma, apontando para Hélen Agatha, escolhida pelos jurados. Apesar do resultado, Jamile conseguiu a faixa de primeiro lugar após ser aclamada pela plateia. 

Jurado se defende

Procurado pela reportagem, o empresário de Adriano, Rafael Barroca, disse que ele apenas se defendeu das agressões. Segundo ele, o jurado não luta artes marciais, mas, devido à profissão de ator, tem conceitos de dança e aprendeu a se defender. “A Pietra não brigou, apenas se defendeu dos tapas. A natureza dele não é violenta.”, disse Barroca. Ninguém prestou queixa na polícia sobre o caso. “Como elas se conhecem, resolvemos deixar isso de lado. Estávamos na plateia e ficamos com medo do que poderia acontecer com Pietra, pois ele havia aplicado botox no rosto há poucos dias”, disse o empresário. O UOL Notícias não conseguiu contato com Jamile Star. A reportagem tentou também falar com a organização do evento, mas ninguém quis falar sobre o assunto.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Marcela Temer Nua

Você sabia que Renato Russo e Geddel (o homem das malas de dinheiro) eram inimigos de juventude? Saiba o porquê.

Juiz diz que não houve "constrangimento à vítima" e solta homem que ejaculou no pescoço da passageira